sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Arqueólogos encontram pegada de 200 milhões de anos

Michael Tellinger mostra o que poderia ser uma das melhores peças de evidência de que havia gigantes na Terra a um longo, longo tempo atrás.

Os geólogos têm se maravilhado com esta cópia de pé gigante em granito bruto, cerca de 4 metros de comprimento. Alguns ainda dizem que é um padrão de erosão natural.

Prof Pieter Wagener da UPE, sugere que "há uma maior probabilidade de que os homenzinhos verdes tenham chegado aqui a partir do espaço do que ser criado por uma erosão natural".

Ele está localizado na África do Sul, perto da cidade de Mpaluzi , na fronteira com a Suazilândia. É estimada entre 200 milhões e 3 bilhões de anos por causa da nossa compreensão atual da formação dos granitos na história da Terra. Esta datação imediatamente provoca grande debate e argumentação ao menter aberta e focada nas provas.

Esta pegada incrível em granito foi descoberto em 1912 por um caçador chamado Stoffel Coetzee, enquanto caçava nesta área remota da África do Sul conhecido como o Transvaal oriental, cheias devida selvagem, incluindo antílopes e leões.

A descoberta permanece na mesma condição como era quando descoberto pela primeira vez e a possibilidade de que este seria um hoax esculpido é extremamente baixa devido à sua localização remota. Ainda hoje, é difícil de encontrar.


video


Um comentário:

  1. Interessante, também faço várias alusões sobre astronautas da antiguidades influenciando nossa vida, escrevo tb um blog, http://sociedadeolhodehorus.blogspot.com/, acessa lá, qquer coisa trocamos informações/experiências, abraços....

    ResponderExcluir